Browsing Tag

novidades

leituras

Lançamentos de janeiro/16 – Editora Rocco

O ano começou cheio de resoluções, certo? Por aqui, reafirmo meu compromisso em ler mais. E quando digo “mais”, falo não só de quantidade mas de variedade. Há alguns meses venho me permitindo passear por gêneros que não amo tanto justamente pra quebrar paradigmas e certezas. Tem sido legal praticar esse exercício.

▲ Lá no Goodreads abri um desafio de leitura, vamos ver se chego no final de 2016 com a lista em dia.

Essa é uma época de poucos lançamentos no mercado editorial porém tenho visto títulos interessantes saindo. Na lista da Rocco, um em especial me chamou atenção: A Garota Dinamarquesa. O livro inspirou o filme de mesmo nome, que eu tô doida pra assistir. Será que esse é aquele típico caso onde livro >>> filme? Estou curiosa.

Lançamentos de janeiro 2016 - Editora Rocco

:: Lançamentos Rocco ::

✏ Cidade dos últimos dias – O último policialde Ben H. Winters

Sinopse: A pouco mais de dois meses para o asteroide Maya atingir a Terra, investigar crimes não é mais uma prioridade para a força policial de Concord. Mas Hank Palace não pensa assim. Cidade dos últimos dias é o novo livro de Ben H. Winters, e segunda parte da trilogia O último policial. A obra acompanha o ex-detetive na investigação do misterioso desaparecimento de Brett Cavatone, o marido da sua antiga babá. Com a sociedade se desmantelando a sua volta, Hank tenta a todo custo juntar as poucas pistas que tem, até descobrir o paradeiro de Brett aparenta ser somente uma questão de tempo. Mas será que Maya dará este tempo a Hank? A elogiada trilogia de Bem H. Winters traz novas indagações sobre o que os homens devem uns aos outros quando o fim está próximo.

✏ Hotelles – Quarto 2, de Emma Mars

Sinopse: O jogo de sedução envolvendo a jovem Annabelle Lorand, conhecida como Elle, está de volta. Hotelles – Quarto 2 mostra o que aconteceu com a protagonista da trilogia erótica da francesa Emma Mars depois de trocar o noivo, o magnata da comunicação David Barlet, por Louis, irmão mais velho dele. Ambientada em Paris, a trama conserva a mistura de romance, mistério e intrigas, bem como as cenas quentes que marcaram o primeiro livro, ao acompanhar a educação sexual de Elle, jovem jornalista que resolve trabalhar como acompanhante de luxo para pagar o pagamento de saúde da mãe, e acaba se enredando num jogo sedutor e perigoso que envolve os dois irmãos, os famosos quartos do Hôtel des Charnes, cada um dedicado a uma famosa cortesã do passado, sua melhor amiga, Sophia, e a agência Belas da Noite.

:: Lançamentos Fábrica231 ::

✏ Sob a luz dos seus olhos, de Chris Melo

Sinopse: Considerada a “Nicholas Sparks de saia” pelos fãs, por suas histórias românticas voltadas especialmente para o público jovem adulto, a paulista Chris Melo estreia na Rocco, pelo selo Fábrica231, com Sob a luz dos seus olhos. A trama conta a história de Elisa, que embarca para a Inglaterra decidida a começar sua vida adulta, levando na bagagem seus planos e sonhos para o futuro; e Paul, um artista tentando se encontrar e que vive intensamente cada momento. O que poderia ser apenas um encontro casual entre dois jovens tentando achar o seu lugar no mundo se transforma, pelas mãos de Chris Melo, numa profunda jornada de autoconhecimento, superação, perdão e recomeços protagonizada por duas pessoas comuns que experimentam o poder extraordinário do amor. Um presente para quem já é e para quem vai se tornar fã de Chris Melo.

✏ A garota dinamarquesa, de David Ebershoff

Sinopse: Com estreia nos cinemas em fevereiro, já acenando com um possível novo Oscar para Eddie Redmayne, ganhador da estatueta de melhor ator por A teoria de tudo, A garota dinamarquesa reconstrói a história de Lily Elbe, talvez a primeira transexual da história a fazer a cirurgia de redesignação sexual (ou “mudança de sexo”). Vivendo até a meia-idade como Einar, um pintor dinamarquês na Europa dos anos 1920 e 1930, ela teve a sorte de contar não apenas com um médico pioneiro, mas com uma mulher brilhante, generosa e apaixonada, sua própria esposa, Greta, para encontrar sua verdadeira identidade. Num momento em que as questões de gênero estão cada vez mais em voga, o aclamado romance de David Ebershoff, que volta às prateleiras com novo projeto gráfico, capa com o pôster do filme e posfácio assinado pelo autor, é um livro delicado e envolvente e uma leitura necessária nos dias atuais.

:: Lançamento Bicicleta Amarela :: 

✏ Nutrição descomplicada, boa forma facilitada, de Rodrigo Paiva

Sinopse: Por que emagrecer? Somente para ficar em forma ou para diminuir taxas como glicose ou colesterol que estão ameaçando a saúde? Quem sabe para dar uma guinada na autoestima? O motivo não importa. Nutricionista e preparador físico com pós-graduação em fisiologia, Rodrigo Paiva afirma que a chave para alcançar qualquer objetivo em relação ao próprio corpo está na força de vontade. E também em compreender o “pensamento” do corpo. Em Nutrição descomplicada, boa forma facilitada, seu livro de estreia pelo selo de bem-estar Bicicleta Amarela, o autor esmiúça temas variados como vitaminas, metabolismo, a diferença entre emagrecer e perder peso, exercício e queima de energia, os mitos e verdades da alimentação, entre outros assuntos. E mostra que sempre é tempo de se imaginar em melhor forma e mais saudável e traçar metas para conquistar esse objetivo.

Facebook Instagram Twitter Pinterest snapchat: hackelz

música

No iPod: Phoebe Ryan – Dead

Achei uma delícia esse som da moça Phoebe Ryan. Encontrei por acaso no Spotify, logo tratei de pesquisar sobre a bonita e descobri que ela costumava compor e por incentivo de amigos, resolveu investir na carreira de cantora. Ela define seu som como “indie-pop”, senti de leve uma pegada meio anos 90, época em que ouvíamos cantoras de ~voz macia~ como Natasha Bedingfield. Ou Natalie Imbruglia <3.

Uma das músicas que mais gostei foi “Dead”. Pra ouvir, é só clicar no player abaixo:

Phoebe Ryan – Dead

Ela vem sendo apontada pelos principais veículos de música como “artists to keep an eye on it”. Já tem EP da Phoebe no Spotify e também algumas parcerias, onde a gente pode ouvir a voz doce da jovem cantora californiana. Em alguns momentos, sua voz me lembra a da Britney Spears, mas beeeem às vezes. Vou acompanhar.

FARM & adidas Originals | Maionese
favoritos, pra gente

FARM lança coleção em parceria com adidas Originals

FARM & adidas Originals | Maionese

No próximo fim de semana, a FARM – marca nascida no Rio de Janeiro que conquistou consumidoras apaixonadas em todo o Brasil – lançará uma coleção em parceria com a adidas Originals.

A loja será a primeira marca brasileira a assinar uma coleção mundial, em parceria com a Originals, que será vendida nas nossas lojas e na Adidas, em mais de 130 países. A coleção conta com quatro estampas inspiradas no Brasil, que deixarão casacos, bolsas, camisetas, tênis e outros itens muito mais bonitos e com o nosso toque especial. Que demais!

FARM & adidas Originals | Maionese

FARM & adidas Originals | Maionese

FARM & adidas Originals | Maionese

Pra quem quiser conferir de pertinho o lançamento da coleção, é só dar um confere no evento que eles criaram no Facebook.

Led Zeppelin | Maionese
música

Led Zeppelin relança CDs consagrados

Led Zeppelin | Maionese

Na quinta-feira passada, 13 de março de 2014, o Led Zeppelin divulgou uma novidade que deixou seus fãs muito contentes: os álbuns mais vendidos/consagrados da banda voltariam às prateleiras das lojas em edições especiais remasterizadas e com áudios nunca lançados oficialmente.

Isso quer dizer que a edição especial dos álbuns trará músicas inéditas. “LA LA” (inserida em “Led Zeppelin II”), “Jennings Farm Blues”, “Bathroom Sound” E “Keys To The Highway/Trouble In Mind” (alocadas em “Led Zeppelin III”). Pela primeira vez, as canções serão integradas à discografia oficial da banda.

Já a reedição de “Led Zeppelin I” virá turbinada com o registro ao vivo do show feito em Paris (10 de outubro de 1969), ano de lançamento do disco de estreia do Led. Deem uma olhadinha no que está sendo preparado com muito amor para os fãs:

Led Zeppelin | Maionese

Led Zeppelin | Maionese

Led Zeppelin | Maionese

Os álbuns serão relançados em edição digital e nos formato CD e LP. Aqui no Brasil, não teremos LP nem versão deluxe incrível mas já teremos dois produtos bem bacanas pra matar a vontade de Led Zeppelin!

Makes You Happy | Maionese
conversas

Uma nova fase para o Maionese

Makes You Happy | Maionese

Esse blog existe há muitos anos. E nesses anos de existência, já teve vários formatos, layouts e linhas editoriais. No começo, era um blog muito mais pessoal, cheio de conversas que muitas vezes eu tinha comigo mesma e acabava trazendo pro blog porque esse é o meu mundo desde bem nova (dos tempos do blog de várzea, blog moleque).

Ter um blog sempre fez parte da minha vida online. E toda essa vivência me mostrou o que eu queria/não queria em relação ao assunto. Acabei restringindo o lado mais pessoal, focando em assuntos mais abrangentes e aleatórios como música, design, cinema, livros… No entanto, todos esses assuntos continuavam falando muito sobre mim. Se resenho um livro aqui, é porque ele fez parte da minha vida durante alguns dias, me influenciou de alguma forma, me fez sorrir/chorar… E isso é muito bom.

Ao criar uma página no Facebook para o blog vi que ela começou a receber likes de pessoas que nunca vi na vida. Pessoas que nunca deixaram um oi aqui, que posso ter cruzado na rua sem nem saber que ela leu tudo que escrevi nesse canto. Sobre alguma viagem que fiz, algum filme que assisti… E isso é deveras bacana ao mesmo tempo que assusta: mesmo estando nessa área há algum tempo, mesmo tendo um outro blog grandinho, esse canto aqui é como se fosse um pedacinho da minha vida pessoal.

Seguindo esse raciocínio, olhei para as últimas postagens… e percebi que aqui não tem tudo o que eu gostaria de falar. É como se eu me privasse de abordar certos assuntos aqui no blog para manter uma pegada que nem eu estava curtindo mais. Tinha um certo receito de falar sobre coisas aparentemente bobas pra poder continuar com uma abordagem mais “variada”. E assim deixei pra lá coisas bem legais como a minha fase “corredora”, a fase trintona que começa a cuidar dos primeiros cabelos brancos… Comecei a sentir falta de compartilhar alguns desses assuntos. Pensando nisso, resolvi ampliar as categorias do Maionese. Além de inspiração para o lar, você vai esbarrar em posts sobre cabelos. E sobre batons, sapatos… alimentação, corrida. Nada mais justo pois esse é um blog sobre as coisas que a Raquel gosta de fazer/ler/ouvir/assistir – provavelmente você também faz isso tudo (e mais um pouco).

Alguns de vocês me acompanham há anos (eu sei quem são). Outros são novatos que aterrissaram buscando algo no Google. A todos vocês, obrigada pela atenção e pelo carinho. Resumindo: a partir de hoje vou me permitir cada vez mais nesse cantinho e espero o feedback de vocês sempre que tiverem vontade de falar alguma coisa. Seja nos comentários ou por email. Seja no Facebook ou no Twitter. No Instagram. Espero trocar cada vez mais as experiências. E que vocês curtam cada vez mais esse espaço, que é feito “with love from me to you”.

Beach House
música

No fone de ouvido: Beach House

Conheci Beach House esse ano. Aliás, 2010 foi um ano muito produtivo no quesito “música”: vários álbuns perfectos lançados e, no meu caso, várias descobertas. Beach House é uma delas.

O som é intitulado como dream pop. A voz marcante da francesa Victoria Legrand (que canta em inglês) faz dupla com a guitarra indie do norte-americano Alex Scally, produzindo um som experimental com leve toque shoegaze. Aliás, 90% das bandas que eu “curti” esse ano tinham essa levada.

O álbum Teen Dream foi considerado por muitos críticos musicais um dos melhores de 2010 e vale (muito) uma escutada. Eu apaixonei e viciei na faixa Zebra, que compartilho com vocês aqui no blog. Melancólica, densa e extremamente bonita. Caiu como uma luva nesse dia de folga, junto às resoluções do ano que passou.

Uma que gosto muito também é essa daqui: